Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando Agora
Músicas recentes: Veja as músicas que já tocaram por aqui.
Fale conosco via Whatsapp: +55 96 991310532
No comando: AO VIVO

Das 00:00 às 23:59

No comando: LUCIANA SOARES

Das 09:00 às 11:00

No comando: PR JOSUÉ GONÇALVES

Das 12:00 às 12:17

No comando: MARA COSTA

Das 18:00 às 20:00

Menu

Gaviões da Fiel ataca a fé cristã ao apresentar “derrota de Jesus” para o diabo em desfile

Todos os anos, milhões de reais são gastos do dinheiro público, assim como da iniciativa privada, para a realização de eventos como o Carnaval, que nos casos do Rio de Janeiro e São Paulo, por exemplo, são conhecidos no mundo inteiro por causa dos desfiles das escolas de samba.

O que ocorre durante esses desfiles é a imagem que o Brasil transmite para o mundo, e dessa vez, durante o desfile da escola Gaviões da Fiel, essa imagem foi a de um ataque contra a maior religião do planeta, o cristianismo, atingindo o sentimento e a fé de milhões cristãos dentro e fora do país.

A Gaviões desfilou no domingo de Carnaval, em São Paulo, apresentando um enredo com o título “A saliva do santo e o veneno da serpente”, onde a figura de Jesus Cristo é “derrotada pelo diabo” e seus demônios.

Rapidamente as imagens repercutiram nas redes sociais, sendo fortemente criticadas pelo público. Uma dessas pessoas foi a psicóloga cristã Marisa Lobo, que protestou em sua rede social:

“Tirando a parte espiritual do escárnio, das provocações, é raro encontrar uma escola que não use o carnaval para discriminar e ofender a fé Cristã e a nós cristãos, mas creio que dessa vez passaram de todo limite”, escreveu Marisa.

“O ódio cegou todos os responsáveis e participantes. O mundo odeia os cristão, nosso símbolo maior, a pessoa de Jesus foi terrivelmente ofendida, eu me sinto ofendida. Jesus não se importa com isso, mas nós sim, é nosso Deus e não podemos nos calar”, destacou.

Após o desfile, os dois atores que representaram Jesus e o diabo, assim como o coreógrafo responsável pelo enredo, foram entrevistados pela equipe da Rede Globo. Questionado sobre a natureza da apresentação, Edgar Junior, o coreógrafo da Gaviões, disse que a intenção foi mesmo “chocar”.

“O foco era chocar. Essa comissão de frente foi incrível e alcançou nosso objetivo, que era essa polêmica com a fé de cada um”, disse ele. Assista a entrevista abaixo:

Deixe seu comentário:

JUNTO COM A GENTE

PUBLICIDADE